sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Haicais e Haigas

"HAICAI" OUTRA POÉTICA ENCANTADORA 
DE LUIZ BACELLAR


Não sou eu que choro
Vento traz num lamento
Orvalho sonoro


Da flor o orvalho
Nas pétalas: tua face
depois que choraste


O lirio levanta
No meio da noite
Seu copo de leite


 Um barulho mole
Depois esse cheiro...
Caiu uma jaca


 Esse vento que tem
Gosto de melaço, vem
Lá do canavial

 A literatura perdeu um dos ícones da poesia amazonense,  o escritor Luiz Franco de Sá Bacellar.
Soube através do amigo Bento Sales do blog "Literatura e Folhas Soltas" que o conheceu pessoalmente. Como pouco sei dos trabalhos do poeta solicitei alguns dos seus livros.
Mas a remessa demanda um certo tempo e decidi  prestar hoje esta singela homenagem com alguns dos seus haicais. Tem cunho espiritual e regional e escreve nos moldes de "Bashô" com muita leveza e sonoridade.

Sempre tive como referência o nome do poeta com este haicai que me faz lembrar a infância. Eu e meus irmãos fomos carregados com o laço do obi quando éramos bebês:

Se o laço do obi
Voasse ao Ikebana
Borboleta azul?

 Luiz Bacellar foi considerado um dos mais importantes escritores amazonenses. Detentor de várias premiações, "Frauta de Barro" foi o primeiro livro que lhe conferiu o prêmio Olavo Bilac na Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro tendo entre os jurados Carlos Drummond de Andrade e Manuel Bandeira. Escreveu também  "Satori" (livro sobre haicais), "Sol de Feira", "O crisântemo de Cem Pétalas" em co-autoria com Roberto Evangelista, "Borboletas de Fogo","Quartior" "Quarteto".  Notabilizou-se sobremaneira na poesia. Foi ele quem popularizou o haicai no Amazonas na década de 50.
Em "Recontando Estórias do Domínio Público" poderão ver com riqueza de detalhes os trabalhos deste poeta.


video


Queridos amigos
Convido vocês (opcional) para participarem da minha próxima página
postando no comentário um haicai ou um mindim sobre natureza. Já tenho alguns coletados.
Ficarei feliz com o compartilhamento.

UM BOM DIA

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

POEMAS E HAICAIS

A VOLTA DA MENINA LILI E A VISITA DE UMA EXUBERANTE ARARA


Sorve o sol ainda
Do amarelo girassol
A tarde que finda
Elisa Campos


Dedico hoje esta postagem á Guma de "Serra da Leba" e Evaldo de "Vivendo, revivendo, refletindo, desenhando"


Hoje de manhã deparei-me com uma cena inusitada. A gêmea Lili havia retornado e tagarelava calorosamente com a irmã Iara.
Mais ao fundo, sentados no guarda-corpo da varanda a arara Lu olhava com ar de surpresa e interrogação outro visitante.
Não era a arara Dé. Aproximei-me  e disse a Lili.
- Ah! Ah! Então já voltou... assim de repente?  A sua irmã disse que você ia demorar lá no país irmão.
- Pois é, voltei mas por pouco tempo. Vou retornar com a minha irmã para visitar outros poetas. Só vim para trazer um poema.
- Um poema? De quem?
- De um grande poeta e pintor. Quando vi o seu haicai inserido lá num quadro com céu todo azul e uma pipa no ar não me contive. Quis logo trazer para cá.
- Ah..é? E essa exuberante arara veio com você? Indaguei.
- Não. Quando cheguei ele já estava acomodado aqui em silêncio degustando uma goiaba. Tentamos entabular conversa, mas foi em vão. Ele está irredutível.
- Mas como vocês sabem que ele é ele e não ela?
- Por puro instinto feminino, oras. Acho que ele deve ser surdo. Até já lhe demos um nome. É Ed. Disse a arara Lu.
- Ed?
- Sim. Ed de Edward. Retrucou a Lili.
- Então depois procuraremos saber de onde ele veio. Quero que me mostre o que você trouxe. Eu disse á Lili.



-Eis aqui. Você gostou?
-Lindíssimo. Mas e o haicai que você mencionou?

 

 
- E então?
- Gostamos de tuuuuudooo. Gritaram em coro Lu e Iara.
Diante de tanta empolgação, a arara Ed finalmente resolveu dar o ar de sua graça.
- He. he. he. Vocês querem saber quem sou e de onde vim?
- Olha aiií !. Ele fala... Interrompeu Iara .
- Sim. Eu só queria alguns minutos de descanso. Vim de muito longe, lá de Minas Gerais para trazer boas novas. Disse Ed.
- Boas novas?
- Sim. De outro grande pintor e poeta. Ele fez uma grande postagem em sua homenagem. Por isso resolvi trazer para você estes trabalhos.




 -E aí. O que você achou? Perguntou Lili ,sorrindo.
-Noossa. Nem sei o que dizer com tanta beleza. Ed e Lili fico grata por terem trazido dois queridos poetas.
Obrigada Guma. Obrigada Evaldo.

Um Bom Dia Para Todos.
Espero que gostem.
Beijos

1 CONCURSO HAICAIS DE MARTE

Meus amigos virtuais: convido-os a participar deste concurso